sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Rasgamos tudo...

Um rasgo - largo.
Eu, largo, me rasgo...

É como se amar fosse um pedaço de pano...

Lento e 'inocente' engano -
Que a gente vai remendando...

Nenhum comentário:

Postar um comentário