segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Eu e você!

Assim, eu sei que a gente não vai ser. Eu gostaria muito, mas existe algo que pulsa lá no fundo do mais intimo de mim que sabe, sabe que a gente não vai acabar juntos. Eu vou encontrar alguém, provavelmente você também vai encontrar outra pessoa e ela nem vai se parecer tanto assim comigo. Acho que passamos do tempo que devia ter sido o nosso, mas que eu não sei por que cargas d’água não foi o momento certo. O nosso momento certo. Esperas suas, esperas minhas... Ainda sigo me rasgando por entre as minhas esperanças de um dia poder ser. Infames esperanças que fazem meu coração pular de abismo sem pára-quedas... Não é o seu, não é o meu... É o nosso! Porra!! E quer saber por que eu me rasgo assim nas esperanças?! É porque você sabe surgir, nascer e crescer em mim como ninguém mais. Ok. É isso. A gente vai ser feliz. Vai se levar pra sempre no coração. Mas não sei, não. A gente não é como toda essa gente a nossa volta. Acho que você me entende e no final é o que importa. Eu e você!

Nenhum comentário:

Postar um comentário