sábado, 26 de novembro de 2011

Fui até onde pude...

“Fui até onde pude, mas como é que não compreendi que aquilo que não alcanço em mim já são os outros?”
CLARICE LISPECTOR

Nenhum comentário:

Postar um comentário