quinta-feira, 24 de março de 2011

Cara A Cara

Existem pessoas
Que confundem a gente
Com jeitos e olhares
Que deixam sem saber o que pensar

Dezenas de vezes
Pensei em te deixar
Mas o meu coração
Me fazia voltar
Voltar, voltar, voltar

Agora estamos nós
Cara a cara outra vez
Milhões de coisas
Correm em minha mente

E aquela questão
Que estava em nossa relação
Continua, continua...

E eu sem saber qual é a tua
Tenho medo de saber (partir)
Pois sei que vou me arrepender
Me arrepender da entrega da minha alma
Pois nasci no dia em que eu te conheci

Continua, continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário